Dicas para perder o medo de falar inglês

Dicas para perder o medo de falar inglês

Aprender um novo idioma abre mais portas para um estudante, pois além de ampliar a sua visão sobre o mundo e as possibilidades que existem para a sua carreira acadêmica, também provoca entusiasmo no aprendizado de uma nova língua.

Mas algumas razões podem afastar essa prática de uma pessoa como, por exemplo, o medo de falar uma nova língua e sentir vergonha de possíveis erros no início do processo. Insegurança, timidez e falta de organização podem atrapalhar um estudante de alcançar seus objetivos didáticos e/ou profissionais, e surge a vontade de perder o medo de falar inglês .

Se você está interessado(a) em aprender Inglês, mas ainda não conseguiu dar início a essa tarefa por conta de algum medo de falar a língua e começar a estudar o idioma agora mesmo. Continue lendo e confira!

Resolvi dar início às aulas de idioma: o que vai mudar na minha vida?

Às vezes basta conhecer alguns motivos legais gerados pelo estudo da língua inglesa para iniciar a pesquisa sobre por onde começar. Por isso, fizemos uma lista com algumas coisas que podem mudar na sua vida baseado nessa escolha em pró da sua educação. Leia o que pode acontecer com você e se empolgue com a oportunidade de estudar a língua inglesa. 🙂

1 – Fazer amigos

Mais pessoas por aí estão na mesma situação em que você se encontra: pensando sobre como será o início dessa caminhada de estudos, e de que maneira as outras pessoas, que serão seus colegas de classe, irão se comportar nas aulas.

Tenha tranquilidade, pois todas as pessoas que entram na mesma turma que você estão próximas ao seu nível de escolaridade, entre o iniciante e avançado, o que já te oferece um alento quanto a preocupação de praticar o idioma. Logo, fica mais fácil conquistar uma amizade frequentando o mesmo ambiente e com as mesmas condições, tendo igualmente as mesmas dúvidas. Uma ótima oportunidade para fazer novas amizades, é só aproveitar as classes, se envolver com a turma e se você quiser, manter contato como os colegas fora da classe. 

2 – Consumir produtos culturais na versão original

Se alguma vez você pensou enquanto assistia a um filme que a fala de um personagem pareceu um pouco estranha no contexto da cena, pode ser que a tradução para o nossa língua não tenha encaixado perfeitamente ali. É claro que as empresas que trabalham com a tradução de materiais audiovisuais melhora a cada dia e ajuda muitas pessoas a terem acesso a produtos estrangeiros. Mas, é evidente que assistir a um filme com as vozes originais de quem assistimos atuar, nos apresenta uma experiência incrível.

Esta é uma oportunidade real para quem estuda inglês e não só nos produtos audiovisuais. Consumir qualquer tipo de material de seu interesse no idioma original te confirma o conhecimento que você acumulou através desse estudo daquela língua.

3 – Enxergar mais possibilidades para a sua carreira acadêmica

O inglês é a idioma oficial em mais de dez países pelo mundo, além de ser a segunda língua de diversos outros. Por isso, é considerada mais importantes para se aprender ao longo da vida, pelo peso que o idioma tem sobre oportunidades escolares, universitárias ou profissionais em outros países.

Algumas faculdades no Brasil também oferecem oportunidades para quem conhece o idioma, como por exemplo Turismo e Ciências da Computação, onde compreender a língua inglesa pode apresentar facilidade com a identificação com a área. Pensando nesses benefícios, fica mais fácil seguir As dicas para perder o medo de falar inglês que vamos sugerir.

E como deixar de lado a insegurança inicial?

Essa insegurança ou vergonha de falar uma nova língua foi o que te manteve afastado das aulas de inglês até agora? Então, prepare-se, porque vamos listar algumas práticas e atitudes que podem ser tomadas por você mesmo no andamento dos seus estudos. Elas vão facilitar o seu aprendizado e ainda evitar que você sinta medo no momento em que precisar praticar verbalmente a língua inglesa em público:

1 – Pratique sozinha(o)

Dentro e fora do seu momento de estudo, é interessante manter contato contínuo com o idioma. Converse sozinha(o), em voz alta ou nos pensamentos, em inglês. Se tiver um pouco de dificuldade para praticar, procure um local físico que te dê segurança para a tarefa de poder falar à vontade.

O importante aqui é desenvolver sozinha(a) a habilidade, ao longo do tempo, de conseguir fazer esse estudo em voz alta de vez em quando. Com isso, as chances de você se sentir mais seguro na hora de falar algo em público sem medo serão menores. 

Se você tem dúvidas sobre qual é o seu nível no Inglês, faça o nosso Teste de Nivelamento e tire essa dúvida.

2 – Consuma conteúdos em Inglês – preferencialmente os que você goste muito! <3 

Sabe aquela banda que você sempre escuta, mas não entende nada? Essa é a hora de aproveitar para ganhar mais vocabulário. Uma das sugestões que pode te ajudar nessa tarefa, é escutar uma música enquanto lê a letra dela em texto, fica muito mais fácil visualizar, por exemplo, quais são as palavras cantadas. 

Outra dica que damos é rever um filme de sua preferência, só que dessa vez com o áudio em inglês e a legenda também. Tendo contato próximo ao idioma de estudo, com conteúdos que te interessem, o momento de praticar se torna muito mais interessante.

3 – Faça a sua hora do estudo se tornar um momento de concentração

Para conseguir resultados satisfatórios seguindo essas dicas para perder o medo de falar inglês, é preciso focar na hora do estudo. E se você tem insegurança no aprendizado do idioma, é necessário planejar e organizar esse momento para que o contato seja inteiro.

Pense em um lugar tranquilo e próximo a materiais de pesquisa, seja o computador ou um dicionário, só não é válido perder a concentração nessa hora.

4 – Exercite tirar as suas dúvidas na hora

Coloque em mente que o momento de aprendizado ao vivo é a hora mais indicada para tirar as suas dúvidas, no instante em que elas surgem. Qualquer tipo de dificuldade é pertinente no estudo de qualquer tópico, e nas línguas é importante sair da classe com elas resolvidas.

O compreendimento do material é diretamente relacionado a maneira com que o estudante leva o estudo e as dúvidas são relevantes para mostrar onde estão as dificuldades e onde você deve prestar mais atenção.

6 – Conte – totalmente – com seu professor

Os professores passam por uma formação antes de se tornarem seus mentores, e por isso, entendem completamente como funciona o fluxo de ensino. Não deixe de aproveitar ao máximo a presença do seu professor de idioma quando houver oportunidades, ele te ajudará no que for preciso, inclusive a tirar as dúvidas que falamos sobre acima e perder o medo de falar inglês. 🙂

7 – Treine usando e abusando da tecnologia

As invenções tecnológicas chegaram para nos auxiliar em diversas áreas, e no aprendizado de idiomas, não foi diferente. Vários aplicativos por exemplo ajudam a praticar o conteúdo que é novidade ou que precisa de reforço. Podemos citar o Duolingo que possibilita interação entre o estudante e o idioma por meio de módulos de pequenos exercícios. 

E não podemos nos esquecer também do que a internet facilita, não é mesmo? Traduzir uma palavra ficou muito mais fácil, encontrar material para estudo, conversar com pessoas fluentes na língua, etc. Dá pra aproveitar e muito a tecnologia a seu favor!

8 – Tenha em mente que até os fluentes erram

Podemos levar como exemplo nós mesmos neste tópico. Sabe quando ficamos na dúvida sobre como escrever corretamente uma palavra ou quando esquecemos simplesmente uma em específico para montar uma frase? Pessoas de todos os idiomas passam por isso e tendo isso em mente, fica mais fácil se abrir para cometer erros e melhorar com isso.

Mesmo após todas essas dicas você ainda tem dificuldade de falar inglês? O Bridge tem a metodologia certa para te ajudar. Entre em contato e saiba mais. 

Entre em contato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se e receba mais informações sobre os nossos cursos